domingo, 22 de novembro de 2009

NOSSO MURO

Quando Libório descobriu que vivia num muro redondo, sem portas e sem ninguém, ficou muito triste.
Perguntou para a folha e ela não disse nada.
Perguntou para a água e ela não respondeu.
Só o que ele ouvia era o barulho do lado de fora do muro.
Quem é que gritava?
Quem lembrar, conte em casa como foi legal o nosso dia.






Nenhum comentário:

Postar um comentário