quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Rua Mufetar





Gosto da fantasia que encontro nos contos de Pierre Gripari. As invenções no percorrer de uma rua. Bruxas, gigantes,bonecas mágicas. O incrível é que todos esses seres vivem na rua Mufetar, no coração de Paris. Só quando caminhamos conseguimos encontrar. É preciso acender os sentidos. Por isso, todo o dia, muitas pessoas circulam por ali sem ver nada. Esses seres, no entanto, assombram as crianças que vão para escola, velhinhas que ficam nas janelas, gatos que andam nos telhados. Dizem por aí que Pierre era um desses que olhava pela janela e escreveu o livro Contos da Rua Brocá para que ninguém esqueça que a realidade é repleta de fantasia. No prefácio ele explica como se faz para chegar nesse ponto da rua.
Estou de acordo e cheia de vontade de contar alguns mistérios que andei descobrindo na minha casa. Nem precisei sair. São coisas incríveis que estão me tirando o sono. Aos poucos vão saíndo das portas, janelas e buraquinhos da minha casa.
Até os seres imaginários já estão de mudança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário