quinta-feira, 28 de maio de 2009

Em cima do MURO


Ontem conversei com os participantes do Iº Fórum de Literatura do ISEE em Sapucaia. Apresentei a Oficina Imagem e texto: a completude do gênero na literatura infantil. Foi incrível o interesse do grupo e o envolvimento. Mesmo ontem estar acontecendo, concomitante a minha fala, os jogos do Inter e do Grêmio. Gostei. Ninguém parecia queres sair correndo para ver o jogo. Além disso os demais professores deram um show de conhecimento e simpatia nas suas falas. A Henriete está de parabéns e toda a sua turma também. Adoro conversar com professores e estudantes que escolheram o magistério para depositar sua energia e inteligência.

Gostaria de compartilhar uma coisinha. Quando mostrei o livro O MURO amei a expressão dos olhares de todos. A dúvida e o interesse em descobrir a identidade do personagem é uma beleza de assistir. Deem mais uma olhadinha e escrevam seus palpites. Vamos fazer um trato? Assim que conhecerem o texto me digam o que descobriram.

Até lá.

3 comentários:

  1. Oi Christina, me chamo Alice e sou aluna de Letras do ISEE. Que ótimo saber que gostaste do fórum, fiquei super feliz e orgulhosa, cofesso que ontem estava meio embasbacada vendo um evento tão maravilhoso dentro da instituição em que estudo. Adorei tua oficina e teus livros. Muito sucesso pra ti! Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Christina, sou Maria Lídia, secretária do ISSE, sou formada em Letras pelo ISSE. Adorei tua Oficina, me fez pensar em coisas que nunca havia imaginado existir num livro com imagens. Abraço

    ResponderExcluir
  3. Oi Chistina, estive na palestra realizada pelo Colégio João Paulo I em Porto Alegre "Texto e Imagem- A Arte de Contar História" e sai de lá muito satifeita, pois pude compreender as diferenças entre literaturas e aimportancia de se trabalhar com o imaginário da criança. Trabalho com um projeto de Literatura infantil sendo o titúlo " O mundo encantado das histórias e a cada dia venho percebendo o fascinio das crianças nas histórias contadas. Adorei o livro "O Muro" contei para meu filho de 6 anos quando cheguei em casa e os olhinhos deles brilharam. Muito sucesso! Abraços! Ramira Gross

    ResponderExcluir